Noah recebeu críticas por sua fantasia no Halloween deste ano, e por um vídeo feito no backstage de um dos shows de Miley nos EUA. Agora foi a vez do site E! Online cair em cima da irmã mais nova de Miley:

Oh cara.


Lembra quando a irmã de Miley Cyrus seguiu seus passos e dançou no mastro?* E depois, algumas semanas mais tarde, quando ela vestiu, bom, algo profundamente inapropriado para o Halloween?


Bom, Noah Cyrus se superou.


A garota de 9 anos foi pega interpretando a música de Akon, “Smack That“**, completa de movimentos sujos.


Estamos falando de vibrações, movimentos no chão (…)


É difícil determinar quem está mais errada nessa situação, a criancinha ou a rainha adolescente a qual ela se inspira?

*Pra quem não tinha visto o vídeo, Noah e algumas amiguinhas estavam na pré-festa do Teen Choice e elas estava rodando em volta do mastro.



**Noah cantando e dançando nos bastidores.



Fonte: MileyBrCOM

date

3 comentários to “E! critica Noah Cyrus”

  1. Anônimo
    22 de março de 2010 15:06

    =0

  1. Anônimo
    29 de junho de 2010 15:54

    You no longer have what to do to let her in peace noah cyrus and miley cyrus
    was only one fantacia Halloween, and I know for certain that when she was dancing there was just all just a joke, and everything that miley does is nothing wrong is only just the work of her and noah cyrus!

  1. Anônimo
    4 de novembro de 2010 14:45

    Acho que não deveriam falar isso de uma CRIANÇA de 10 anos de idade, coé gente, deixa a menina ser quem ela quer. Ela tem pais para educa-la e ainda por cima corrigir o que ela faz quando ela erra. Se o Billy e a Tish não falaram nada, é porque não tem nada demais nisso! Então, acho que deveriam parar de fazer isso com a minha Noie <3

Deixe seu comentário:

Apenas membros deste blog pode comentar. Os comentários são moderados. Por Favor, não usem palavras grosseiras ou palavrões, nem informações pessoais, caso contrário seu comentário não será publicado. Obrigada ! (:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.